Como Empreender

Como empreender – as diferenças entre o marketing bom e o ruim

Quando estamos aprendendo como empreender, muitas vezes não nos atentamos a alguns aspectos que se provam muito úteis no futuro. Questões administrativas, contábeis e de marketing fazem toda a diferença quando se fala em ser um bom empreendedor ou não. O mesmo vale para o marketing bom e o marketing ruim!

Hoje, aprenderemos a diferença entre esses dois tipos de marketing e, ao final deste post, você verá que os seus conceitos sobre marketing podem, inclusive, estar errados!

Quer se tornar um empreendedor extremamente capaz? Mais poderoso que a maioria? Continue a leitura e, hoje, talvez você não se torne o melhor empresário do planeta, mas certamente estará à frente de vários concorrentes.

Quando você já sabe como empreender…

Tudo fica mais fácil, não é mesmo? A questão é a seguinte: e quando você já sabe como empreender, mas não aprendeu a forma correta?

Neste caso, você continuará cometendo os mesmos erros, tais como não se preocupar com um planejamento completo que conta com:

  • Como lidar com os recursos humanos;
  • Explorar possíveis fatores motivacionais e desmotivacionais;
  • Entender o perfil dos consumidores;
  • Investir na divulgação multicanal.

Essas questões são fundamentais para o sucesso de um negócio. Há quem pense que o Marketing se resume a publicidade e formas de divulgar uma empresa ou produto. Na verdade, esse conceito não é algo completamente errado, mas totalmente limitado.

Isso porque o Marketing pode ir muito além quando existe o conhecimento por parte do empresário, que sabe como empreender e entende as necessidades por parte de um negócio em todas as suas fases – inicial (antes da abertura) e durante a operação e possíveis expansões.

A seguir, descreveremos como o marketing bom se diferencia do ruim e como você pode resolver boa parte dos problemas que uma empresa normalmente lida se aplicar estes conceitos da forma correta!

O Marketing bom x Marketing ruim – nessa batalha, quem perde é o empresário

Como já dissemos, o Marketing assume diversas funções dentro de uma empresa. Ele pode lidar com:

  • Os níveis de satisfação dos funcionários;
  • Os níveis de satisfação dos clientes;
  • Pesquisas de perfil do público-alvo;
  • Pesquisas sobre o cenário econômico;
  • Entender as forças e fraquezas da empresa, assim como formas de impactar o público-alvo;
  • Compreender o posicionamento dos outros players do mercado e sobre quem, de fato, são os seus concorrentes diretos e indiretos;
  • Publicidade, estratégias e planos de ação.

Isso porque o marketing é um campo de estudo muito mais administrativo e estatístico do que aparenta. E, dessa forma, poucas empresas realmente exploram o seu potencial, por julgar que a área se resume apenas a divulgação, o que prejudica a sua forma de como empreender.

E, é com base nisso que conseguimos observar o que é um bom marketing e o que é um marketing ruim.

Observe:

O Marketing bom:

  • Se importa verdadeiramente com como os clientes se sentem;
  • Entende os perfis do seu público-alvo e cria conteúdos variados e exclusivos para esses perfis;
  • Se preocupa com a imagem da empresa não só por parte dos clientes, mas também dos funcionários;
  • Faz parte do planejamento do negócio desde os estágios iniciais, mesmo que não inclua estratégias definidas;
  • É uma preocupação por parte de todos da empresa.

Entenda: se você quer saber como empreender com qualidade, precisa entender que o marketing não se resume a uma construção de imagem para que o cliente visualize o negócio de forma positiva. É preciso que os funcionários também vejam a empresa com bons olhos e trabalhem para que os clientes a vejam da mesma forma, caso contrário, o trabalho será em vão.

Considere que ex-funcionários podem contribuir para a imagem do negócio de duas formas diferentes:

  • Positiva, enaltecendo a imagem de que a empresa conduz bons negócios;
  • Negativa, prejudicando a imagem do negócio e dando voz à desconfiança do público.

Por isso, é importante sempre considerar fatores que podem ocasionar na insatisfação por parte da sua equipe, desde o começo. Trabalhe na construção do seu negócio de forma a ampliar a sensação de conforto por parte dos seus funcionários, sempre pensando em maneiras de simplificar o trabalho e aumentar a produtividade.

O Marketing ruim:

Não aborda nada do que foi descrito e se foca apenas em formas de divulgar uma imagem “ideal” do negócio, sem se preocupar com a realidade da empresa, com os índices de satisfação por parte dos clientes externos e internos e, finalmente, sem o compromisso de não criar ilusões no público, algo que pode culminar em graves ações judiciais.

Com isso em mente, revise o seu plano de negócios, planeje bem a forma como você quer conduzir a sua empresa e, para entender como empreender sem problemas, se aprofunde na Gestão de Pessoas.

Em caso de dúvidas sobre quanto e como investir para que o seu negócio tenha tudo que é preciso para o sucesso – sem riscos, entre em contato com a Venegas. Será um prazer falar com você!

Sucesso e até a próxima.

Ainda possui alguma dúvida? Que tal entrar em contato com a Venegas Contábil?

Somos uma Contabilidade em Campos Elíseos – SP, especialistas no seu negócio para ajudá-lo.

Será um prazer conversar!

Acesse nosso Facebook: @VenegasContabil

Sucesso e até logo.

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *